HOME

A Psicoterapia Biossistêmica adota como pressuposto básico um trabalho que integra a biologia do individuo e seus diversos sistemas de funcionamento: perceptivo, cognitivo, emocional, relacional e social, apoiado nas pesquisas neurociêntificas.

 


Seu método está embasado em pesquisas nas áreas da psiquiatria, psicossomática, psicofisiologia e no campo sistêmico, o que a torna uma abordagem corporal que utiliza técnicas inovadoras e eficazes no contexto psicoterápico e grupal, no cenário da psicoterapia corporal contemporânea.